O divórcio é, certamente, uma das escolhas mais sérias e difíceis que você tomará em toda a sua vida.
Com ou sem filhos, decidir-se pela separação significa abrir mão de uma vida em comum, de objetivos e sonhos compartilhados e de conquistas financeiras, bens ou patrimônio conquistados pelo trabalho comum.

Esta decisão invariavelmente nos causa sofrimento, frustração, dúvidas e culpa. E quando temos filhos a questão ganha ainda outra proporção, pelo desejo de não lhes causar sofrimento, de não compartilhar com eles a dor que a separação, causa a todos os membros da família.

Aqui apresento algumas ideias que, espero, possam contribuir para que o processo de divórcio transcorra de uma forma mais harmoniosa. E espero, mais do que sinceramente, que as ideias básicas aqui apresentadas contribuam para a sua reflexão e, se possível, ajudem-lhe a conduzir o seu processo de divórcio da melhor forma possível. É este o meu desejo.

André Medrado - WhatsApp
Enviar